Marcena Pt. 2 – Cemitério um pouco familiar

O Lorenzo me falou do cemitério de Marcena, que fica exatamente nos fundos da casa dele. Saímos para conferir. Já olhando de cima se percebia que havia muitas covas com nome Fanti, incluindo a maior capela, que lia Fanti – Gidoni. E de fato, uns 20% das tumbas tinham meu sobrenome em cima, com centenas de nomes. Mas a que realmente importa, a da família do Lorenzo, era essa, que inclui o avô dele, Albino, que está num dos galhos da minha árvore.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s