Afa

Pra quem nunca tinha pisado na África nem em um país islâmico, o choque cultural é grande. Quase tudo é diferente, quase oposto. Homens velhos andam de mãos dadas, dão QUATRO beijinhos ao se cumprimentarem, mulheres (não são todas) andam por aí apenas com os olhos à mostra, como ninjas. Nunca vi tanta bandeira nacional e tanto guardinha na rua, todos muito bem vestidos. Aliás, aqui é inverno, teoricamente, mas no primeiro dia a temperatura chegou aos 25 graus. Eu suando e os locais usando batas longuíssimas, com capuz, com calça de lã por baixo. A limpeza e a beleza das ruas principais é de dar inveja a muita cidade chique por aí. Nunca vi tantas flores, tantas árvores com frutas, tanta moitinha bem cuidada. Eu não sabia que Marrakech tinha o maior exército de jardineiros do mundo. É muito homem de verde trabalhando por aí. E fazem um belo trabalho.

A zona onde estamos fica a 2km do centro. Quando estava procurando hotel, muita gente me disse pra ficar num riad dentro da Medina (os muros da cidade antiga, onde fica todo o furdunço). Estando aqui e tendo caminhado pelas internas, não entendo como pode ser melhor ficar ali naquela zorra. Acho que pegamos a melhor opção.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s